Discotomia Microcirúrgica

Como se trata uma Hérnia Discal?

O diagnóstico é feito por um exame clínico cuidadoso e RM – Ressonância Magnética, ou, na impossibilidade de realização desta, TAC – Tomografia Computorizada.

Com repouso breve e medicação as queixas desaparecem ao fim de mais ou menos duas semanas, sendo depois necessário evitar pegar em pesos e fortalecer os músculos que sustentam e protegem a coluna para prevenir novas crises.

Quando não há melhoras com tratamento conservador prolongado ou quando o adormecimento ou falta de forças no membro se acentuam, existe indicação para intervenção cirúrgica.

Discotomia Microcirúrgica

É um procedimento chamado aberto, usado em certos casos de fragmentação discal. Estes fragmentos, chamados sequestros, são retirados com a ajuda de instrumentos especiais através de uma pequena abertura no canal vertebral utilizando o microscópio cirúrgico.

Como este procedimento não interfere com músculos ou ossos, pode em certos casos ser executado em regime ambulatório e com anestesia local, tendo o mesmo tempo de recuperação das técnicas percutâneas.

Na coluna cervical, dependendo do grau de degeneração do segmento, é por vezes necessário fazer a fusão vertebral, por meio de um “espaçador” de titânio, ou aplicação de uma prótese discal.

Marque a sua consulta









Contactos

Telefone: +351 22 609 0129
Telemóvel : +351 918 793 903
Fax: +351 226 090 130
Avenida da Boavista, 80, 1º
4050-112, Porto
Rua Dr. Carlos Cal Brandão, 48
4050-160 Porto
Segunda – Sexta 07h às 19h